Imagens das publicações mais destacadas deste canal alternativo

São imagens referentes às verdades mundiais, que a mídia dominada pela ELITE MALDITA, não revelam e tentam abafar. Aqui nós mostramos sem cortes....

Imagens das publicações mais destacadas deste canal alternativo

São imagens referentes às verdades mundiais, que a mídia dominada pela ELITE MALDITA, não revelam e tentam abafar. Aqui nós mostramos sem cortes....

Imagens das publicações mais destacadas deste canal alternativo

São imagens referentes às verdades mundiais, que a mídia dominada pela ELITE MALDITA, não revelam e tentam abafar. Aqui nós mostramos sem cortes....

Imagens das publicações mais destacadas deste canal alternativo

São imagens referentes às verdades mundiais, que a mídia dominada pela ELITE MALDITA, não revelam e tentam abafar. Aqui nós mostramos sem cortes....

Imagens das publicações mais destacadas deste canal alternativo

São imagens referentes às verdades mundiais, que a mídia dominada pela ELITE MALDITA, não revelam e tentam abafar. Aqui nós mostramos sem cortes....

quarta-feira, 28 de novembro de 2012

EUGENIA SIONISTA: União Européia rejeita relatório que aponta toxicidade de transgênicos

28 de novembro de 2012 • 15h27

BRUXELAS, 28 Nov 2012 (AFP) - A Autoridade Europeia de Segurança Alimentar (Efsa), uma agência da União Europeia, rejeitou definitivamente nesta quarta-feira as conclusões de um relatório polêmico do professor francês Gilles-Eric Séralini segundo o qual o milho transgênico NK 603 e o herbicida Roundup, do grupo Monsanto, são tóxicos. "As conclusões do estudo (...) não se apoiam com dados", declarou a Efsa em sua avaliação final do artigo publicado em 19 de setembro passado na revista "Food and Chemical Toxicology", e que relançou a polêmica sobre a suposta toxicidade dos transgênicos. "As importantes omissões na concepção e metodologia" do estudo "implicam que as normas científicas aceitáveis não foram respeitadas e, consequentemente, não está justificado voltar a examinar as avaliações prévias sobre a segurança do milho geneticamente modificado NK603", destacou a Efsa em um comunicado. A agência europeia explicou que suas conclusões são o resultado de avaliações distintas e independentes realizadas por seus especialistas e por seis membros da UE, entre eles Alemanha, França e Itália. 
A recusa da Efsa não é uma surpresa e em sua primeira avaliação os especialistas da agência consideraram que o estudo tinha omissões que impediam considerar boas suas conclusões. O organismo de pesquisa sobre os tansgênicos do professor Séralini (Criigen) criticou a Efsa, por sua vez, denunciando sua "má fé". A agência europeia enumera as omissões que os especialistas dos seis estados membros identificaram na metodologia do estudo, entre elas objetivos de estudo pouco claros, o número pouco elevado de ratos utilizados em cada grupo de tratamento, falta de detalhes sobre a alimentação e o tratamento dos animais ou ausência de dados estatísticos chave. A publicação, em setembro, do informe, ilustrado com fotos de ratos com tumores grandes como bolas de pingue-pongue e que assegura que os ratos alimentados com milho transgênico sofrem de câncer e morrem antes, causou alarme social e relançou a polêmica sobre os transgêncicos. O estudo foi realizado por uma equipe da Universidade de Caen (noroeste da França), que alimentou durante dois anos duzentos ratos de três formas distintas: exclusivamente com milho transgênico NK603, com milho transgênico NK603 tratado com Roundup (o herbicida mais usado do mundo) e com milho não modificado geneticamente tratado com Roundup. No entanto, a Efsa já emitiu dúvidas sobre o estudo em sua primeira avaliação no começo de outubro e pediu informação suplementar ao seu autor. Poucas semanas depois, duas comissões científicas francesas, o Alto Conselho de Biotecnologia e a Agência de Segurança, também rejeitaram o estudo criticando seus métodos "inadequados". Na Europa é permitido o cultivo de dois transgênicos, a batata Amflora do grupo alemão Basf, que por enquanto é um fracasso comercial, e o milho MON810 da Monsanto, que pediu para renovar sua autorização. A recusa do estudo de Séralini pode agora abrir o caminho para que a Comissão Europeia autorize o cultivo na UE de sete transgênicos (seis variedades de milho, inclusive o MON810, e o um tipo de soja) e a comercialização de outros cinquenta produtos destinados à alimentação animal e humana. jri/aje/abk/mvv/dm
AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.

FONTE:
http://noticias.terra.com.br/mundo/noticias/0,,OI6338625-EI294,00-UE+rejeita+relatorio+que+aponta+toxicidade+de+transgenicos.html

UE rejeita relatório que aponta toxicidade de transgênicos
AFP

A Autoridade Europeia de Segurança Alimentar (Efsa), uma agência da União Europeia, rejeitou definitivamente nesta quarta-feira as conclusões de um relatório polêmico do professor francês Gilles-Eric Séralini segundo o qual o milho transgênico NK 603 e o herbicida Roundup, do grupo Monsanto, são tóxicos.

"As conclusões do estudo (...) não se apoiam com dados", declarou a Efsa em sua avaliação final do artigo publicado em 19 de setembro passado na revista "Food and Chemical Toxicology", e que relançou a polêmica sobre a suposta toxicidade dos transgênicos.

"As importantes omissões na concepção e metodologia" do estudo "implicam que as normas científicas aceitáveis não foram respeitadas e, consequentemente, não está justificado voltar a examinar as avaliações prévias sobre a segurança do milho geneticamente modificado NK603", destacou a Efsa em um comunicado.

A agência europeia explicou que suas conclusões são o resultado de avaliações distintas e independentes realizadas por seus especialistas e por seis membros da UE, entre eles Alemanha, França e Itália.

A recusa da Efsa não é uma surpresa e em sua primeira avaliação os especialistas da agência consideraram que o estudo tinha omissões que impediam considerar boas suas conclusões.

O organismo de pesquisa sobre os tansgênicos do professor Séralini (Criigen) criticou a Efsa, por sua vez, denunciando sua "má fé".

A agência europeia enumera as omissões que os especialistas dos seis estados membros identificaram na metodologia do estudo, entre elas objetivos de estudo pouco claros, o número pouco elevado de ratos utilizados em cada grupo de tratamento, falta de detalhes sobre a alimentação e o tratamento dos animais ou ausência de dados estatísticos chave.

A publicação, em setembro, do informe, ilustrado com fotos de ratos com tumores grandes como bolas de pingue-pongue e que assegura que os ratos alimentados com milho transgênico sofrem de câncer e morrem antes, causou alarme social e relançou a polêmica sobre os transgêncicos.

O estudo foi realizado por uma equipe da Universidade de Caen (noroeste da França), que alimentou durante dois anos duzentos ratos de três formas distintas: exclusivamente com milho transgênico NK603, com milho transgênico NK603 tratado com Roundup (o herbicida mais usado do mundo) e com milho não modificado geneticamente tratado com Roundup.

No entanto, a Efsa já emitiu dúvidas sobre o estudo em sua primeira avaliação no começo de outubro e pediu informação suplementar ao seu autor.

Poucas semanas depois, duas comissões científicas francesas, o Alto Conselho de Biotecnologia e a Agência de Segurança, também rejeitaram o estudo criticando seus métodos "inadequados".

Na Europa é permitido o cultivo de dois transgênicos, a batata Amflora do grupo alemão Basf, que por enquanto é um fracasso comercial, e o milho MON810 da Monsanto, que pediu para renovar sua autorização.

A recusa do estudo de Séralini pode agora abrir o caminho para que a Comissão Europeia autorize o cultivo na UE de sete transgênicos (seis variedades de milho, inclusive o MON810, e o um tipo de soja) e a comercialização de outros cinquenta produtos destinados à alimentação animal e humana.
jri/aje/abk/mvv/dm
FONTE:
http://www.istoe.com.br/noticias/257304_UE+REJEITA+RELATORIO+QUE+APONTA+TOXICIDADE+DE+TRANSGENICOS/1
Share:

FARSA DO AQUECIMENTO GLOBAL: Estudo manipulado afirma que nível do mar sobe 60% mais rápido do que previsto em 2007


27 de novembro de 2012  23h18  atualizado em 28 de novembro de 2012 às 00h17

A elevação do nível do mar provocada pelo aquecimento global tem ocorrido 60% mais rapidamente do que o estimado em 2007 pelo grupo de climatologistas da ONU, o Painel Intergovernamental de Mudanças Climáticas (IPCC), revelaram cientistas em um estudo que será publicado esta quarta-feira.
Atualmente, os mares subiram 3,2 mm ao ano, em média, segundo o estudo realizado por três especialistas em clima e publicado na revista britânica Environmental Research Letters.

A projeção "mais confiável" do IPCC, em 2007, baseada em dados de 2003, previa uma elevação de 2 mm ao ano atualmente.

A nova cifra converge com a ideia amplamente difundida de que o mundo se encaminha para uma elevação do nível do mar de um metro até o fim do século, declarou Grant Foster, da empresa americana Tempo Analytics, co-autor do estudo.

"Eu diria que um metro de elevação do nível do mar até o fim do século é provavelmente próximo do que se encontraria se você consultasse as pessoas mais informadas" a respeito, disse Foster.

"Em terras baixas, onde você tem um grande número de pessoas vivendo no limite de um metro do nível do mar, como Bangladesh, isto significa o desaparecimento da terra que sustenta suas vidas, e você terá centenas de milhões de refugiados climáticos, e isto pode levar a guerras por recursos e todo tipo de conflitos", acrescentou.

"Para grandes cidades costeiras, como Nova York, provavelmente o principal efeito seria o que vimos com o furacão Sandy", prosseguiu. "Toda vez que temos uma forte tempestade, você tem uma intensidade maior e isto traz um risco maior de inundações", prosseguiu.

O estudo, chefiado por Stefan Rahmstorf, do Instituto Postdam para a Pesquisa do Impacto Climático (PIK), na Alemanha, mensurou a precisão dos modelos de simulação que o IPCC utilizou em seu Quarto Relatório de Avaliação, publicado em 2007.

Este relatório alertou os governos a colocarem a mudança climática no topo de suas agendas, culminando com a fracassada Cúpula de Copenhague, em 2009, e ajudou o IPCC a conquistar o prêmio Nobel da Paz em 2008.

O novo estudo estabeleceu marcos mais elevados para a previsão do documento sobre temperatura global, destacando que havia "um consenso muito bom" do que está se observando hoje, uma tendência de aquecimento generalizada de 0,16ºC por década.

Mas destacou que a projeção do IPCC para os níveis dos mares estava muito abaixo do que os fatos têm demonstrado.

A previsão do painel para o futuro - uma elevação de até 59 cm até 2010 - "pode também estar tendenciosamente baixa", alertou, uma cautela compartilhada por outros estudos publicados nos últimos anos.

Foster disso que a elevação maior do que a projetada poderia ser atribuída ao derretimento de gelo terrestre, algo que era bem desconhecido quando o IPCC publicou seu relatório e permanece obscuro até hoje.

Outro fator seria a incerteza técnica. A projeção do IPCC tinha se baseado em informações entre 1999 e 2003, e desde então tem havido mais dados, que têm ajudado a provar a precisão de radares de satélites que medem os níveis dos mares ao fazer saltar as ondas de radar sobre a superfície do mar. O Quinto Relatório de Avaliação do IPCC será publicado em três volumes, em setembro de 2013, março e abril de 2014.

AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.

FONTE:
http://noticias.terra.com.br/ciencia/noticias/0,,OI6336796-EI238,00-Estudo+nivel+do+mar+sobe+mais+rapido+do+que+previsto+em.html
Share:

ALERTA AOS BRASILEIROS: Beber um refrigerante por dia aumenta risco de câncer de próstata

Beber refrigerante todo dia aumenta o risco de câncer de próstata 

Estudo descobriu que consumir açúcar de manhã, além de comer muito arroz e massas, também eleva essa chance
Refrigerante: Consumo diário é fator de risco para câncer de próstata, aponta estudo
Refrigerante: Consumo diário é fator de risco para câncer de próstata, aponta estudo (Thinkstock)
Homens que consomem refrigerante ou outra bebida com adição de açúcar todos os dias têm um risco maior de desenvolver câncer de próstata do que aqueles que não ingerem esse tipo de bebida. Essa é a conclusão de um estudo publicado nesta segunda-feira no periódico American Journal of Clinical Nutrition. A pesquisa também concluiu que outros alimentos, como arroz e massa, também elevam essas chances.
CONHEÇA A PESQUISA

Título original: Dietary intakes of carbohydrates in relation to prostate cancer risk: a prospective study in the Malmö Diet and Cancer cohort

Onde foi divulgada: revista American Journal of Clinical Nutrition
Quem fez: Isabel Drake, Emily Sonestedt, Bo Gullberg, Peter Wallström e outros
Instituição: Universidade de Lund, Suécia
Dados de amostragem: 8.128 homens de 45 a 73 anos



O estudo, desenvolvido na Universidade de Lund, na Suécia, acompanhou mais de 8.000 homens de 45 a 73 anos de idade durante, em média, 15 anos. Nenhum participante tinha câncer de próstata quando a pesquisa começou e todos foram orientados a anotar minuciosamente os alimentos e bebidas que ingeriram ao longo desse tempo. Segundo os resultados, aqueles que consumiam o equivalente a uma lata de 330 mililitros de refrigerante ou outra bebida com açúcar por dia apresentaram um risco 40% maior de desenvolver câncer de próstata avançado do que aqueles que nunca ingeriam a bebida. 
A pesquisa também encontrou uma associação entre o risco da doença e o consumo de açúcar no café da manhã. O hábito, segundo o estudo, eleva em até 38% as chances de um câncer de próstata benigno. Além disso, segundo os resultados, essa chance foi 31% entre aqueles que seguiam uma alimentação rica em arroz e massas.
Para os autores do estudo, pesquisas como essa podem aprofundar os conhecimentos sobre como a dieta é capaz de influenciar no risco de determinadas doenças. Assim, um médico poderia recomendar hábitos alimentares específicos para cada pessoa de acordo com sua predisposição genética a certas doenças.
Saiba mais sobre o câncer de próstata nos vídeos abaixo:

*O conteúdo destes vídeos é um serviço de informação e não pode substituir uma consulta médica. Em caso de problemas de saúde, procure um médico.
 (Com agência France-Presse)
FONTE:
http://veja.abril.com.br/noticia/saude/beber-refrigerante-todo-dia-aumenta-o-risco-de-cancer-de-prostata

Um refrigerante por dia aumenta risco de câncer de próstata
26 de novembro de 2012  17h06  atualizado às 18h24


         


Homens que consomem o equivalente a uma lata de refrigerante por dia estão sujeitos a um risco maior de desenvolver câncer de próstata, segundo um estudo sueco divulgado nesta segunda-feira. "Entre os homens que consomem uma grande quantidade de refrigerantes ou outras bebidas com adição de açúcar, constatamos um risco de câncer de próstata aproximadamente 40% maior", disse uma das autoras do estudo, Isabel Drake.

O estudo, que será publicado na próxima edição do American Journal of Clinical Nutrition, baseia-se no acompanhamento de mais de 8 mil homens da região da cidade de Malmö (sul da Suécia), com idade entre 45 e 73 anos, durante uma média de 15 anos. Todos anotaram minuciosamente os alimentos e bebidas que ingeriram.

Aqueles que beberam um refrigerante (330 ml) por dia estiveram 40% mais propensos a desenvolver câncer de próstata, necessitando de tratamento. Além disso, aqueles que tiveram uma dieta rica em arroz e massas apresentaram 31% mais chances de desenvolver formas mais benignas do câncer. Este risco foi aumentado em 38% para aqueles que ingeriram grandes quantidades de açúcar no café da manhã, relatou a pesquisadora.

Estudos anteriores já haviam indicado que os chineses e os japoneses que viviam nos Estados Unidos, o maior consumidor de refrigerantes do mundo, desenvolveram câncer de próstata com mais frequência do que os compatriotas que permaneceram em seu país.

Uma pesquisa aprofundada sobre a resposta a diferentes dietas de acordo com a genética torna possível "adaptar as recomendações em termos de comida e bebida para certos grupos de alto risco", considerou Drake.

AFP
AFP - Todos os direitos de reprodução e representação reservados. Clique aqui para limitações e restrições ao uso.

FONTE:
http://noticias.terra.com.br/ciencia/noticias/0,,OI6332925-EI8147,00-Um+refrigerante+por+dia+aumenta+risco+de+cancer+de+prostata.html


Share:

terça-feira, 27 de novembro de 2012

KILLUMINATI: Especialistas vão conduzir a investigação para estudar se os robôs irão exterminar a humanidade

Quão perto estamos de uma aquisição Skynet?
Paul Joseph Watson
Prison Planet.com 
27 de novembro de 2012
Especialistas da Universidade de prestígio de Cambridge vão conduzir investigação sobre os "riscos de extinção em nível" colocados à humanidade por artificialmente robôs inteligentes.
Especialistas para estudar se os robôs irá exterminar a humanidade 271112robot
Projeto de Cambridge para risco existencial é dedicado a "garantia de que nossa espécie tem um futuro a longo prazo", estudando os riscos colocados pela AI, nanotecnologia e biotecnologia.
"Os cientistas disseram que o despedimento de preocupações de um levante robô potencial seria" perigoso ", relata a BBC .
O projeto foi co-fundada por Huw Price, Bertrand Russell professor de Filosofia na Universidade de Cambridge, Martin Rees, 

professor emérito de Cosmologia e Astrofísica em Cambridge, e Jaan Tallinn, o co-fundador da Skype.

Conta, também, entre os seus conselheiros Max Tegmark, professor de Física, MIT e George M Igreja, Professor de Genética da Escola Médica de Harvard.
Um artigo escrito por Tallinn e avisa que preço artificialmente computadores ou robôs inteligentes podem assumir "a velocidade e direção do progresso tecnológico em si", e moldar o ambiente do planeta Terra para os seus próprios fins durante a exibição de preocupação tanto para a humanidade quanto nós para um bug no pára-brisas.
Longe de se resignado com obras como a ficção científica como em Terminator filmes, a ameaça representada por um potencial futuro "ascensão dos robôs" nunca esteve tão perto da realidade.
O estudo reflete as previsões de autor respeitado, inventor e futurista Ray Kurzweil, famoso por suas previsões tecnológicas mortais precisos.
Em seu livro de 1999 The Age of Spiritual Machines, Kurzweil prevê que, depois de 2029, a elite iria chegar mais perto de seu objetivo de singularidade tecnológica - o homem fusão com a máquina - e que até o final do século, o planeta inteiro será executado artificialmente por sistemas inteligentes de computador que são mais espertos do que toda a raça humana combinada - semelhante ao sistema Skynet ficcional da franquia O Exterminador do Futuro.
Em meio ao debate, o fato de que os militares dos EUA sob DARPA já está desenvolvendo robôs para o propósito expresso de de matar pessoas tem sido largamente ignorado pelos futuristas.
Como já destacado anteriormente , a direção inteira de drones e tecnologia de robô automatizado que está sendo desenvolvido por empresas como a DARPA está tudo preparado para ter máquinas de assumir o papel de policiais e soldados em perseguir e envolvente "insurgentes" em solo americano.
Especialistas como Noel Sharkey, professor de inteligência artificial e robótica da Universidade de Sheffield, alertam que os robôs DARPA representam "um feito incrível técnica, mas é uma pena que ele vai ser usado para matar as pessoas."
O Departamento de Defesa emitiu recentemente uma nova diretriz política de tentar "tranqüilizar" as pessoas que ciborgues artificialmente inteligentes não seriam usadas para matar pessoas depois de Human Rights Watch apelou para uma proibição internacional de "robôs assassinos".
Política directiva 3000,09 estados : "Os sistemas semi-autónomo armas que são integrados ou integrados com plataformas não tripuladas devem ser concebidos de tal modo que, no caso de as comunicações degradadas ou perdida, o sistema não autonomamente selecionar e engajar alvos individuais ou grupos-alvo específicos que têm não foram previamente selecionados por um operador autorizado humana ".
*********************
Paul Joseph Watson é o editor e escritor de Infowars.com e Planet.com prisão . Ele é o autor de Order Out Of Chaos. Watson também é um hospedeiro para Infowars Nightly News.

FONTE:
http://www.prisonplanet.com/

Share:

CIÊNCIA ILLUMINATI: Corporações de drogas e pesquisas farmacológicas, querem criar mais clientes vitalícios e dependentes de medicamentos, para evitar a TDAH e vida criminosa futura

Susanne Posel Ocupar corporativismo 27 novembro de 2012 
Um novo estudo publicado no New England Journal of Medicine pelo Dr. William Cooper, pediatra e professor de medicina preventiva da Universidade Vanderbilt, afirma que a Ritalina e Adderall, dois medicamentos usados ​​para tratar TDAH, podem impedir a mente de crianças hiperativas de se tornarem criminosos. Cooper afirma que essas drogas devem continuar a ser administradas até a idade adulta para prevenir atividades criminais mais tardias na vida.

TDAH é a sigla de Transtorno do Déficit de Atenção com Hiperatividade, um tipo de transtorno neurológico, que surge na infância, geralmente como fator genético, e em muitos casos, acompanhando o indivíduo em sua vida adulta.
As principais características ou sintomas são a desatenção, a hiperatividade e a impulsividade, resultando na dificuldade de relacionamento com a família e com outras crianças e professores no ambiente escolar. Ainda na escola, os portadores do TDAH são descritos como "inquietos", "agitados", "desobedientes" ou que "vivem no mundo da lua", gerando dificuldades de aprendizagem provocadas pela falta de concentração.
Além do fator genético, existem outras teorias sobre as causas do surgimento do TDAH em determinados indivíduos, como por exemplo, ingestão de álcool e nicotina durante a gravidez, problemas no parto e sofrimento do feto, exposição ao chumbo, etc.
O tratamento do TDAH é feito à base de medicamentos ou de técnicas psicoterapeutas. A fase de tratamento deve ser acompanhado por profissionais especializados nas áreas de Neurologia, Psicologia, Psiquiatria, Fonoaudiologia e outras. Alguns medicamentos usados no tratamento são os psicoestimulantes à base de metilfenidato, comercialmente vendidos como Ritalina ou Concerta. Somente um médico especialista pode fazer o diagnóstico e indicar o tratamento mais adequado.
Cooper disse: "Há definitivamente uma percepção de que é uma doença da infância e você superar sua necessidade de medicamentos. Estamos começando a entender que o TDAH é uma condição para muitas pessoas que realmente dura por toda a vida. "
Até agora, 5% das crianças em os EUA foram diagnosticados com TDAH, um distúrbio psiquiátrico em que a opinião não-médico de um psicólogo que uma criança é hiperativa, impulsiva, tem dificuldade em prestar atenção e, portanto, deve ser dado medicamentos a fim de que "concentrar-se na escola" pode ser alcançado.
O estudo analisou os registros do tribunal e prisão de 2006 - 2009 para determinar o número de condenados que estavam em uma droga para tratar SDHD, bem como a gravidade dos seus crimes.Apenas 10 indivíduos de controle foram inseridos no estudo.
Os resultados mostraram:
• Trinta - sete por cento dos condenados foram pré - diagnosticado com TDAH 
• É provável que a medicação TDAH foi usado em 32% dos presos do sexo masculino e 41% do sexo feminino 
• TDAH sofre estavam propensos a cometer roubo ou furto 
• Quatro mil dos 23 mil crimes pesquisado foram violentos

Paul Lichtenstein, pesquisador em TDAH para o Instituto Karolinska, concorda com as conclusões do estudo (embora ele não participou da pesquisa). Lichtenstein declarou: "É bem conhecido que os indivíduos com TDAH têm taxas muito mais elevadas de criminalidade e abuso de drogas do que as pessoas sem TDAH."
Instituto Karolinska, é uma das principais instituições de pesquisa farmacológicos que esclarecem o campo da medicina clínica com o impulso do uso de medicamentos para tratar problemas psicológicos e fisiológicos. Trinta por cento da formação medicinal e 40% da pesquisa acadêmica médica é realizado no Instituto Karolinska, na Suécia e todas as palestras são traduzidas para o Inglês e ensinada nas universidades em os EUA.
Dr. Andrew Adesman, chefe de pediatria do desenvolvimento e comportamental do Steven e Alexandra Cohen Centro Médico da Criança, confirma através de pesquisas anteriores que os adultos que foram diagnosticados com TDAH como as crianças são mais susceptíveis de:
• Obtenha em acidentes de trânsito 
• Consistentemente perder empregos 
cônjuges Divórcio • 
• ser preso ou cometer alguma atividade criminosa

Adesman admite que nem todas as crianças marcadas como ADHD passam a se tornar criminosos ou divorciadas, e que a maioria deles simplesmente crescer para fora da conduta. No entanto, Adesman ainda sustenta que, apesar do fato de que o TDAH é uma fase da infância que raramente carrega para a vida adulta que "coletivamente, as pessoas com TDAH são em risco para uma série de maus resultados."
De acordo com o National Institutes of Health (NIH), o TDAH é tratada com estimulantes como o metilfenidato (Ritalina, Metadate, Concerta, Daytrana), anfetaminas (Adderall), ou dextroanfetamina (Dexedrine, Dextrostat). Esses medicamentos foram aprovados pela Food and Drug Administration (FDA) para crianças a partir dos 6 anos de idade.
O tratamento aceite de ADHD tem uma lista de efeitos secundários perigosos, tais como:
• Ser anti - social ou retirado 
• Sentir-se sem esperança, sem valor 
• Extremas pensamentos suicidas 
• Os ataques de pânico 
• Insônia 
• Agressivo e / ou comportamento violento 
• As mudanças súbitas de humor / comportamento


Dr. Fred Baughman, neurologista infantil e pesquisador afirma TDAH que o advento de diagnósticos de PHDA é um esquema para vender mais medicamentos anti - psicóticos para as crianças pelas empresas farmacêuticas em conjunto com a comunidade psiquiátrica. Baughman insiste que um desenvolvimento normal em crianças já foi socialmente aceito como uma desordem neurológica que requer tratamento psiquiátrico.
Anualmente, as vendas de Ritalina alcançar os bilhões e Adderall foi, sem dúvida, superou o tratamento medicamentoso para o TDAH, uma vez líder para se tornar a droga de escolha para o pediatra. No entanto, os médicos admitem que as crianças "crescer fora dos sintomas de ADHD" e que nenhum dos produtos farmacêuticos aceitos realmente curar a doença alegada.
Os pesquisadores, de acordo com a necessidade de medicamentos para tratar o TDAH, afirmam que os jogos de vídeo, televisão, e genética são as causas da "doença" ignorando completamente os aditivos químicos em alimentos processados ​​que seria aumentando uma função normal no desenvolvimento neurológico de crianças.

Maida Galvez, MD, diretor de saúde ambiental pediátrica do Mount Sinai School of Medicine, explica que: "A evidência científica é limitada para apoiar a associação entre aditivos alimentares e sintomas de TDAH. Embora seja possível que um grupo muito pequeno de crianças que são alérgicas a corantes artificiais ou conservantes podem apresentar melhora dos sintomas em dietas de restrição, as evidências são insuficientes para recomendar o uso, a rotina de dietas de restrição generalizada para tratar os sintomas de uma criança com TDAH. " 

Coloração de alimento artificial para além do conservante benzoato de sódio foi mostrado em estudos de incitado hiperactividade em crianças que não tinham sido previamente diagnosticados com ADHD. 

Corporações de drogas que beneficiam deste regime são: 
1. Johnson & Johnson 
2. Condado
3. Eli Lily 

Em 2010, houve uma explosão de vendas de drogas tratamento de TDAH, na medida em que os fabricantes não poderiam manter as drogas na "prateleira". Sem ter uma ciência clara do diagnóstico, qualquer psiquiatra poderia (e fez) considerem as crianças como possível com este rótulo para o bem dos lucros para a indústria farmacêutica, bem como dar credibilidade ao mundo interpretativo de psiquiatria porque esta especialidade analisa respostas emocionais e comportamentos sem o uso de medições científicas ou conhecimento de distúrbios causational que se refletem em reais, doenças físicas.


O TDAH é um dos esquemas mais lucrativos inventados pela comunidade psiquiátrica, a fim de justificar o desenvolvimento de medicamentos que já estavam em produção.

Notice: Undefined variable: output in /homepages/10/d394627238/htdocs/wp-content/themes/resizable/includes/custom-functions.php on line 348

FONTE:
http://occupycorporatism.com/adhd-criminals-drug-corporations-want-to-create-more-lifetime-customers/
http://www.significados.com.br/tdah/
Share:

Sobre Mim

Minha foto
UMA PESSOA SINCERA, TEMENTE A DEUS E SERVO DE NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO. INTIMIDADE ALÉM DAS APARÊNCIAS!!!! APOIO OS SEGUINTES LINKS: (www.observandoanovaordem.blogspot.com/) (www.simceros.org/) CANAL OTANERY1, DO YOU TUBE.

Blogger Themes

Total de visualizações de página

Seguidores deste canal

Arquivo Geral do Blog

Minha lista de Sites e Blogs Parceiros

Translate this page

Receba notícias em seu e-mail

Hora Certa

Elite Maldita

Subscribe here to get our newsletter in your inbox, it is safe and EASY!

UOL AFILIADOS

LOMADEE.COM

LOMEDEE.COM