domingo, 31 de julho de 2016

ATENÇÃO: Peixes aparecem no mar morto como cumprimento de profecia bíblica (VÍDEO)


Quase dez vezes mais salgado do que o oceano, as águas do Mar Morto impedem o desenvolvimento de qualquer tipo de vida — dando lugar apenas a alguns tipos de arqueobactérias e algas. Mas recentemente, cientistas provaram a existência de sinais de vida no mar, conforme previsto em uma profecia bíblica.

O Mar Morto, como o próprio nome indica, é literalmente morto. Qualquer peixe que seja transportado pelo rio Jordão morre imediatamente, assim que desagua neste lago de água salgada.

A Bíblia, no entanto, descreve no Antigo Testamento um quadro muito diferente da região. “Ló viu todo o vale do Jordão, todo ele bem irrigado, até Zoar; era como o jardim do Senhor, como a terra do Egito”, de acordo com Gênesis 13:10.

Porém, a Bíblia relata que a paisagem mudou quando fogo e enxofre destruíram Sodoma e Gomorra, dando lugar à região árida do Mar Morto.

Um pouco mais adiante, no livro de Ezequiel, as Escrituras registram profecias surpreendentes sobre a região.

“Esta água flui na direção da região situada a leste e desce até a Arabá, onde entra no Mar. Quando deságua no Mar, a água ali será saneada. Por onde passar o rio haverá todo tipo de animais e de peixes. Porque essa água flui para lá e saneia a água salgada; de modo que onde o rio fluir tudo viverá”, diz o trecho de Ezequiel 47:8-9.

O nível de água no Mar Morto vem recuando em até um metro por ano. Isto acontece devido à água que está sendo desviada a partir do rio Jordão para fins agrícolas e também por causa da evaporação causada pelas obras minerais do Mar Morto. A queda do nível de água provocou o surgimento de piscinas, que aparecem nas margens do Mar Morto.

Em uma visita à região árida, Samantha Siegel, uma mulher judia que vivia em Jerusalém, descobriu que muitas dessas piscinas estão se enchendo de água doce e peixes. Para comprovar o fenômeno, Siegel produziu um vídeo registrando peixes nadando nas margens do Mar Morto, em uma grande piscina cercada por plantas verdes.

“Este é um grande acontecimento, mas infelizmente ninguém está falando sobre isso”, disse ela durante a gravação do vídeo.

Em 2011, pesquisadores da Universidade Ben-Gurion, no Neguev, enviou uma equipe de mergulhadores até as profundezas do Mar Morto. Na ocasião, os estudiosos descobriram enormes crateras no fundo do mar, com 15 metros de diâmetro e 20 metros de profundidade. Água fresca fluía a partir dessas crateras, que foram alcatifadas com tapetes de microorganismos, mostrando que o mar não estava totalmente morto.








FONTE:


Share:

0 comentários:

Postar um comentário

Faça seu comentário aqui ou deixe sua opinião.

Observação: somente um membro deste blog pode postar um comentário.

Sobre Mim

Minha foto
UMA PESSOA SINCERA, TEMENTE A DEUS E SERVO DE NOSSO SENHOR E SALVADOR JESUS CRISTO. INTIMIDADE ALÉM DAS APARÊNCIAS!!!! APOIO OS SEGUINTES LINKS: (www.observandoanovaordem.blogspot.com/) (www.simceros.org/) CANAL OTANERY1, DO YOU TUBE.

Blogger Themes

Total de visualizações de página

Seguidores deste canal

Arquivo Geral do Blog

Minha lista de Sites e Blogs Parceiros

Translate this page

Receba notícias em seu e-mail

Hora Certa

Elite Maldita

Subscribe here to get our newsletter in your inbox, it is safe and EASY!

UOL AFILIADOS

LOMADEE.COM

LOMEDEE.COM